quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

"Amo a luz. Amo a terra. E amo-te a amar"

Manuel tem 8 anos, é aluno da EB1 dos Correios e frequenta o 4º ano. Tem um mano gémeo, o Francisco, que quer ser professor de educação física.
Gosta muito de ler poesia, admira José Régio e escreveu este poema em 15 minutos!!! 
Como diz a mãe do Manuel: "Acho que vou ter escritor em casa." 

Continua Manuel, parabéns!




"Amo a luz.
Amo a terra.
E amo-te a amar.
Quando te vejo ao pôr-do-sol
Eu derreto-me.
Quando te vejo à luz do dia
Eu congelo-me.
Abro a gaveta
E digo sempre:
"Amo-te"
Fecho a gaveta,
E despeço-me
E o meu coração também.
Quando te vejo
Sinto que quero fugir de ti
De amor.
Quando estou na escola
Penso em ti.
És linda, tão linda.
Que até morro por ti.
Amo-te de amar."

2 comentários:

  1. Parabéns, Manuel. Gostei muito do teu poema. Continua a escrever.
    Abraço,

    ResponderEliminar